Como recuperar o cabelo poroso

Compartilhar
Como recuperar o cabelo poroso

O cabelo poroso é um problema que chateia muitas pessoas, pois deixa os fios com aspecto áspero, além de embaraçar facilmente. Mas não se engane, o cabelo poroso não acontece apenas em decorrência de procedimentos químicos ou uso excessivo de ferramentas de calor. Ele pode aparecer, também, por quadros de desidratação, falta de cuidados básicos, escassez de nutrientes, etc.

Se essa é a situação dos seus fios atualmente, calma… Nós temos a solução! Nesse post, vamos te contar tudo sobre o cabelo poroso e dar dicas valiosas para que você consiga contornar a porosidade e conquistar fios lindos e saudáveis. Vamos lá?

Porosidade capilar: o que é

Antes de abordarmos o cabelo poroso em si, é importante entendermos sobre o que estamos falando, ou seja, sobre o que é a porosidade capilar e seus tipos.

A porosidade capilar é a capacidade que nosso cabelo tem de absorver a água e outros nutrientes. Sendo assim, ter um pouco de porosidade é normal e saudável. O problema ocorre quando nossas cutículas capilares estão muito abertas ou muito fechadas, pois isso pode influenciar na capacidade de absorção dos fios.

Ela pode ser classificada em 3 níveis: baixo, médio e alto. Olha só.

Porosidade baixa: quando as cutículas estão bem fechadas, a absorção de água ou qualquer tratamento se torna mais difícil.

Porosidade média: quando as cutículas estão meio abertas, os fios conseguem absorver a água e os tratamentos facilmente.

Porosidade alta: quando as cutículas estão muito abertas, a água e os nutrientes são rapidamente absorvidos, mas também são perdidos com facilidade.

O que é cabelo poroso?

Pessoa segurando as pontas do cabeloQuando o cabelo é poroso, ele acaba apresentando um aspecto ressecado, com fios mais ásperos, textura grosseira, frizz e quebra capilar, além de embaraçar facilmente.

Isso se dá por causa da sua porosidade alta, ou seja, das cutículas abertas dos fios, que podem ter um alto grau de abertura devido a danos - sendo a desnutrição um dos problemas mais comuns. Assim como a alta porosidade, a baixa também não contribui para manter os fios saudáveis. Afinal, como dissemos, quanto menos porosos, mais suas fibras tem dificuldade para absorver água, vitaminas e nutrientes necessários para manter a saúde do cabelo em dia.

O que pode causar o cabelo poroso?

Um cabelo poroso, normalmente, é resultado do excesso de química, como descolorações, tintura, progressivas e outros tipos de alisamentos.

No entanto, o uso excessivo de ferramentas térmicas também pode contribuir para desequilibrar o nível de porosidade dos fios. Assim como a exposição em excesso ao sol, já que os raios UV danificam as cutículas capilares gradualmente.

Esses processos causam lesões na camada superficial dos fios, o que resulta na abertura das cutículas capilares, deixando o cabelo mais exposto ao ressecamento e outros danos. Por isso, o constante uso de protetores térmicos e solares para os fios se faz ainda mais essencial.

Para identificar a porosidade dos seus cabelos, é necessário fazer um teste de porosidade. Mas calma, nós ensinamos isso em um outro conteúdo aqui do blog. Dá uma olhadinha lá.

Cabelo poroso o que fazer? Como tratar e recuperar

Agora que você já fez o teste e já sabe o nível de porosidade dos seus fios, é importante entender qual tipo de tratamento o seu cabelo poroso merece, não é mesmo? Afinal, cada nível precisa de um tratamento específico.

Alta porosidade: se o seu cabelo está com alta porosidade, significa que ele está muito ressecado. Por isso, o tratamento mais indicado é a reconstrução com o uso de máscaras para cabelos porosos, ricas em aminoácidos e proteínas que tenham como objetivo devolver massa para a fibra capilar, regenerando e reestruturando os fios.

Média porosidade: se o seu cabelo está com média porosidade, significa que ele está saudável. Por isso, o ideal é investir não descuidar da hidratação e nutrição capilar, com o uso de máscaras hidratantes ou óleos vegetais para umectação.

Baixa porosidade: se o seu cabelo está com baixa porosidade, significa que suas cutículas estão muito fechadas. Por isso, você pode focar na constante hidratação dos fios.

Cronograma capilar para cabelos porosos

Mulher cuidando do seu cabelo porosoA partir do momento que você sabe o nível de porosidade dos seu cabelo, pode apostar em um cronograma capilar, que nada mais é uma agenda que reúne os tratamentos que falamos acima, com uma frequência de 3 tratamentos por semana, durante o período de um mês.

Cabelos com alta porosidade

O cronograma para cabelo poroso deve focar em reconstrução com produtos ricos em aminoácidos e proteínas. Mas cuidado, pois a reconstrução, quando feita em excesso pode tornar o fio muito “rígido” e propenso à quebra, além de dar um aspecto duro e arrepiado.

Uma boa frequência para o cronograma é intercalar 6 hidratações, 4 nutrições e 2 reconstruções.

Cabelos com média porosidade

Muitas vezes, o cabelo com porosidade média não necessita de cronograma capilar, basta manter a hidratação e nutrição dos fios em dia para que o cabelo continue bonito e saudável.

Mas, se mesmo com a porosidade equilibrada, você achar que os fios estão meio sem vida, pode sim apostar na agenda de cuidados, focando em produtos com alto potencial hidratante e óleos vegetais para nutrir.

Uma sugestão de cronograma é 6 hidratações, 5 nutrições e 1 reconstrução.

Cabelos com baixa porosidade

Como explicamos acima, neste caso, o cabelo tem dificuldade de absorver água e nutrientes e por isso, pode se tornar ressecado, com frizz e sem vida.

A dica aqui é apostar forte na hidratação. Escolha uma máscara hidratante rica em óleos vegetais e componentes hidratantes e que seja adequada ao seu tipo de cabelo. Se gostar de receitinhas caseiras, pode apostar em misturinhas para potencializar ainda mais o tratamento. Temos diversos tutoriais de hidratações caseiras.

Uma sugestão de cronograma para cabelos com baixa porosidade é 8 hidratações, 3 nutrições e 1 reconstrução.

Os cuidados diários também são importantes

É claro que os cuidados diários não ficariam de fora, né?

Primeiramente, vale lembrar que é importante apostar em cuidados que ajam de dentro pra fora, ou seja, beber pelos menos 2 litros de água por dia e manter uma dieta equilibrada e nutritiva.

Além disso, se você deseja recuperar o seu cabelo poroso de forma mais eficiente, uma reconstrução capilar a cada 15 dias e hidratações semanais podem ser suas maiores aliadas. Além disso, também é bacana utilizar óleos, leave-Ins e máscaras hidratantes com proteínas e lipídios.

É importante lembrar que os fios que estão com alta porosidade, por possuírem cutículas mais abertas, eliminam os ativos dos produtos com a mesma facilidade que os absorvem. Por isso, busque sempre reaplicar os produtos semanalmente até que o cabelo se recupere por completo, ok?

Além disso, é recomendável dar uma pausa ou maior espaçamento entre as colorações e químicas alisantes que passa em seus fios. Assim como escolher produtos livres de químicos agressivos e com ingredientes ideais para o tratamento de cabelos porosos - como o óleo de moringa presente em nossas fórmulas -, pois isso ajudará a manter seus fios mais belos e saudáveis por mais tempo.

Quer se aprofundar no assunto? Então que tal aprender como fazer um cronograma capilar? Este conteúdo é bem completo e te ensina tudo que você precisa saber para recuperar dos seus fios.

Como tratar a queda de cabelo pós-covid

Como tratar a queda de cabelo pós-covid

Descubra tudo que a proteína de trigo pode fazer pelo seu cabelo!

Descubra tudo que a proteína de trigo pode fazer pelo seu cabelo!

Empty content. Please select article to preview

Personalize seu Tratamento