index

Faça o Teste e
Descubra o Kit Ideal
para Você

Logística reversa: como ela impacta todo o ambiente

Logística reversa: como ela impacta todo o ambiente

A logística reversa pode entrar para aquela listinha de coisas das quais já ouvimos muito sobre, mas que, de tanto ouvir, acabamos não atribuindo a importância necessária ao assunto, assim como o impacto ambiental. Lembra que já falamos sobre ele aqui no blog também?

Mas fique tranquila(o), nós estamos aqui justamente para te ajudar a entender como funciona essa logística e como ela impacta sua vida! Vamos lá?

Afinal, o que é essa tal de logística reversa?

Para facilitar o entendimento, vamos pensar em logística primeiro? Ela consiste em estratégias e ações para fabricar e entregar um produto ao consumidor final. Ou seja: depois que a matéria-prima é transformada em produto final, ele sai da fábrica e vai até a casa de quem o comprou. 

Mas, e depois disso? Quando o prazo de validade chega ou o produto acaba, o que acontece? 

É nesse momento que entra a logística reversa: as ações e estratégias das empresas, nesse caso, são voltadas à destinação final correta do resíduo do produto fabricado pelas mesmas.  

Com a lei 12.305, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), esse processo se tornou uma obrigação para os geradores de resíduos, como: fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes. 

A logística reversa pode ser apresentada em dois formatos: no pós-venda e no pós-consumo.

No primeiro caso, o produto retorna à cadeia de distribuição antes mesmo de ter sido usado pelo consumidor. Para isso, as empresas precisam planejar o recebimento e o encaminhamento dos itens, estabelecendo meios de controle dentro de sua estratégia de organização. Muitas vezes, o produto pode passar por melhorias e voltar a ser comercializado, agregando seu valor.

Já na logística reversa no pós-consumo, o produto foi adquirido, utilizado e descartado pelo consumidor. Da mesma forma, as empresas devem se preparar para receber os itens e encaminhá-los para onde for necessário, seja para o retorno ao ciclo produtivo, a reciclagem ou o desmanche.

Ok… mas por que ela é tão importante? 

Mão segurando uma muda de planta

Talvez você se pergunte o motivo pelo qual a logística reversa é tão importante a ponto de se transformar em uma lei. A resposta é simples: todos nós! 

Afinal, ela atinge o ambiente em que vivemos como um todo: desde os seres humanos e animais, até a própria natureza.

Usar de novo

A produção de lixo sempre foi - e ainda é - um grande problema ambiental.

Antigamente, quando o ciclo de vida de um produto chegava ao fim, ele era encaminhado a um aterro sanitário, que muitas vezes não era a destinação correta para o mesmo. E como você pode imaginar, isso gerava danos graves ao ambiente, como a poluição do solo. 

Com a “chegada” da logística reversa e a responsabilidade compartilhada pelos resíduos gerados, além de ser responsável pela destinação correta do produto, a empresa também pode utilizá-lo em seu processo de produção novamente. Graças a isso, o mercado tem circulado milhões de dólares por ano.

Assim, além de ser uma vantagem econômica para as empresas, seu maior benefício é que estamos cuidando do ambiente que nos abriga.

E você? Como a logística reversa impacta sua vida?

Já passou pela sua cabeça que a responsabilidade do destino de um produto também é sua?

Afinal, todos nós habitamos o mesmo solo, respiramos o mesmo ar e, consequentemente, somos responsáveis por isso também.

Que tal começar aos pouquinhos? Mesmo que a logística reversa seja uma responsabilidade das empresas, você pode fazer sua parte também! A reciclagem, por exemplo, é uma atitude simples e que faz uma grande diferença a longo prazo.

Para falar a verdade: o grande segredo é sempre apostar nas escolhas conscientes! 

Cuide de você e do planeta através das suas escolhas 

Costumamos falar muito aqui no blog sobre a importância de ler os rótulos das embalagens, além de conhecer o site e as mídias sociais das empresas atuais, não é? Calma… Não estamos sugerindo que você vire stalker de todas as marcas que compra!

Queremos  convidar você a conhecer as empresas das quais consome: elas são ambientalmente responsáveis? Se preocupam com a preservação do ambiente e bem-estar da sociedade na qual estão inseridos? Ou apenas nas vendas que geram? 

Veja bem, meu bem, consumir de organizações que cuidam do ambiente também é um gesto de autocuidado. Afinal esse cuidado retornará a você, não é?

Agora que já sabe mais sobre a logística reversa, vamos entender por que a reutilização de embalagens deve ser uma responsabilidade compartilhada?

 

×
chatsimple